ÁGUAS DAS CIDADES

 

É impressionante como os governantes fazem vistas grossas do problema da água nas cidades. Algumas cidades sofrem horrivelmente de falta d´água, quando em realidade não haveria necessidade disto. As construções são feitas de forma antiquadas e ultrapassadas, pois são desprovidas de qualquer mecanismo de coleta e aproveitamento da água da chuva. O desperdício da água da chuva é total, transformando-se a chuva é mais um grande problema a ser resolvido pelas cidades. Ao invés de servirem águas das chuvas para o abastecimento da cidade, passa a ser um pesadelo para a cidade, com inundações, desabamentos, desabastecimentos, desabrigados, epidemias de todo gênero e mortes. O  prejuízo econômico, social e humano é incalculável, mas as autoridades continuam insensíveis aos problemas, preocupando-se mais em alardear obras de fachadas do que em resolver, realmente, os problemas das populações. Gasta-se fortuna em publicidade, festas, inaugurações  e recepções e povo a necessitar medidas efetivas na resolução dos problemas. Por quê não se investir no aproveitamento da água das chuvas que é uma das soluções mais baratas? Por quê não se criar lagos artificiais para aproveitamento das águas da chuvas, servindo estes lagos de escoadouro das águas pluviais, de áreas de lazer e embelezamento da cidade e até de aproveitamento das águas para uso diversos? Por quê não se utilizar os locais mais baixo para a criações destes lagos? Com a criação destes lagos se resolveria ao mesmo tempo a maioria dos problemas advindos com a chuva. Pode-se argumentar que um programa como este sairia muito caro para a União, para o Estado e para o Município. E o gasto anual na remediação dos problemas advindos com as chuvas não é infinitamente maior, além de não se ter uma solução? Achamos, sem falsa modéstia, que aí está a solução. Mas quem é capaz de enfrentar estes problemas?  Achamos também que enquanto a sociedade civil não se conscientizar disto e exigir dos governantes soluções efetivas não se há de ver  solucionados os problemas causados pela chuva. Então, cabe às pessoas formadoras de opinião bater nesta tecla, conscientizar a sociedade civil e exigir dos governantes  menos gasto com publicidade, (nós diríamos nenhum gasto porque imoral), festas, comemorações e outros. Vamos à luta. El Carmo

 

Tags: , , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: